Segunda, 13 Maio 2019 18:13

TRANSPORTE AÉREO Tamanho da bagagem de mão será fiscalizado: veja novas regras nos aeroportos

Escrito por  postado por revista atual nordeste
Avalie este item
(0 votos)
Empresas usarão caixa com as medidas permitidas para verificar se as malas estão no padrão Marco Favero / Diário Catarinense Empresas usarão caixa com as medidas permitidas para verificar se as malas estão no padrão Marco Favero / Diário Catarinense

Por duas semanas, passageiros serão apenas orientados sobre os limites permitidos. Depois disso, viajante poderá ser barrado na área de embarque

Os passageiros de voos nacionais precisarão ficar atentos às novas regras das bagagens de mão. A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) inicia nesta quarta-feira (10)uma campanha de orientação sobre a utilização dessas malas. Depois dessa fase educativa, começa a fiscalização para valer: quem estiver em desacordo será encaminhado de volta ao balcão da companhia área.

No total, 15 aeroportos brasileiros participarão da iniciativa,cada um com duas semanas de adaptação e orientação. Os aeroportos foram divididos três lotes, e o Salgado Filho, em Porto Alegre, faz parte do terceiro grupo, com implementação a partir de 24 de abril.  O pente-fino nas bagagens de mão pretende evitar que volumes com tamanho inadequado sejam embarcados, o que, de acordo com as empresas, tem gerado transtornos nas aeronaves. 

A partir de 13 de maio, quem viajar de Porto Alegre para outro ponto do Brasil e tiver essa bagagem fora do padrão terá de despachá-la no check-in da companhia, com possibilidade de cobrança de taxa, conforme o tipo a franquia da viagem. Guarde as medidas permitidas param a bagagem de mão: 55 centímetros de altura x 35 centímetros de largura e 25 centímetros de profundidade. As medidas seguem os padrões da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA, na sigla em inglês).

Caixa para medir mala

Haverá, em cada aeroporto, um espaço de verificação antes do acesso à área restrita, onde todos passam pelo raio-X. Essa etapa será, basicamente, para aqueles passageiros que fazem o check-in e só carregam a bagagem de mão. Os que forem despachar outras bagagens no balcão da companhia serão orientados e fiscalizados lá mesmo pelos atendentes. Um gabarito padrão para todas as empresas aéreas (caixa com as medidas permitidas para verificar se as malas estão dentro do padrão) será usado para medir o volume.

No Aeroporto Salgado Filho, de 24 de abril a 12 de maio, haverá apenas informação aos passageiros. Aqueles que tiverem, nesse período, bagagens maiores poderão seguir viagem sem problema. Somente a partir do dia 13 de maio os viajantes em desacordo com a norma poderão ser barrados. Vale lembrar que o passageiro pode carregar, ainda, um item pessoal (pasta, mochila e bolsa) que possa ser acomodado embaixo do assento.

Caso flagrado já junto ao embarque, o passageiro será orientado a entrar na fila do despacho de bagagem. O cliente que não estiver com a bagagem dentro das medidas da sua franquia paga de acordo com a tabela da empresa aérea. A cobrança e os processos que permitem ou não o uso do totem de autoatendimento ou aplicativo ficam a cargo da companhia.

A orientação e implementação nos aeroportos  

Grupo 1: Aeroporto Juscelino Kubitschek (Brasília/DF, Aeroporto Afonso Pena (Curitiba/PR), Aeroporto Viracopos (Campinas/SP), Aeroporto Aluízio Alves (Natal/RN).
Período de orientação ao passageiro: de 10 a 24 de abril
Início da triagem: 25 de abril

Grupo 2: Aeroporto de Confins (Belo Horizonte/MG), Aeroporto Pinto Martins (Fortaleza/CE), Aeroporto Guararapes - Gilberto Freyre (Recife/PE), Aeroporto Luís Eduardo Magalhães (Salvador/BA), Aeroporto Val-de-Cans - Júlio Cezar Ribeiro (Belém/PA).
Período de orientação ao passageiro: de 17 de abril a 1º de maio
Início da triagem: 2 de maio

Grupo 3: Aeroporto Santa Genoveva (Goiânia/GO), Aeroporto Salgado Filho (Porto Alegre/RS), Aeroporto de Congonhas (São Paulo/SP), Aeroporto Internacional de São Paulo (Guarulhos/SP); Aeroporto RIOGaleão - Tom Jobim (Rio de Janeiro/RJ), Aeroporto Santos Dumont (Rio de Janeiro/RJ).
Período de orientação ao passageiro: de 24 de abril a 12 de maio
Início da triagem: 13 de maio

Bagagem de mão nos voos nacionais

As medidas: 55 centímetros de altura x 35 centímetros de largura e 25 centímetros de profundidade

O que se pode levar: cosméticos sólidos, mamadeiras e alimentos infantis, medicamentos essenciais (podem ser carregados desde que tenham até 100 ml), itens pessoais como documentos, carteira e outros acessórios pequenos, aparelhos eletrônicos de uso pessoal. 

Nos voos internacionais: há restrições para líquidos. Todos (gel, pasta, creme, aerossol e similares) devem ser conduzidos em frascos de até 100 ml em embalagem plástica transparente. Se passar de 100 ml, o produto é descartado. A embalagem deve ser apresentada na inspeção de embarque, permitida uma embalagem por passageiro. Tanto para voos nacionais quanto internacionais não se pode levar objetos pontiagudos que possam ser usados para causar ferimentos.

Cenários a partir de 13 de maio no Salgado Filho

Situação 1

Passageiro com bagagem de mão e outra a ser despachada
 Após o check-in, é preciso ir ao balcão da companhia aérea para despachar a bagagem maior.
– Nesse momento, como já ocorre hoje, os atendentes irão conferir as medidas da bagagem de mão do passageiro. Um gabarito (caixa com as medidas permitidas para verificar se as malas estão dentro do padrão) será usado para medir o volume.
– Caso esteja fora das medidas, será necessário despachar o volume e, eventualmente, pagar por isso conforme o tipo de passagem comprada.

Situação 2

Passageiro somente com bagagem de mão
 Após o check-in, o passageiro não precisa entrar na fila para despachar bagagem, podendo ir direto para a área de embarque.
– Antes de acessar esse setor do aeroporto, onde está o raio-X, uma equipe fará uma triagem visual e também com uso de gabarito. No caso de bagagem fora do padrão, o passageiro será informado de que tem de ir ao balcão de despacho de bagagem da companhia.
Atenção: se isso acontecer e o passageiro estiver em cima da hora do voo, pode perder a viagem. O alerta é que a antecedência será fundamental para evitar esse tipo de transtorno.

As regras da bagagem de mão e despachada

Gol

Bagagem de mão
 

É permitido levar gratuitamente uma bagagem de mão de até 10 quilos. 
Tamanho: 35 x 25 x 55 centímetros (comprimento x largura x altura). 
Também é permitido artigo pessoal como bolsa, notebook ou sacola com compras do free shop, por exemplo.

Bagagem despachada
Peso: até 23 quilos
Tamanho: 50 x 28 x 80 centímetros

Tarifa light e promo: não inclui bagagem gratuita
Tarifa plus: inclui uma bagagem gratuita
Tarifa premium economy (para voos internacionais) e max (para voos nacionais): inclui duas bagagens gratuitas

Valores em voos nacionais 
Primeira bagagem: (tarifas light e promo) R$ 60 nos canais digitais e R$ 120 no balcão de check-in.
Segunda bagagem: R$ 100 nos canais digitas e R$ 140 no balcão de check-in.
Terceira a quinta bagagem (cada): R$ 130 nos canais digitais e R$ 220 no balcão de check-in.

Valores em voos internacionais
Primeira bagagem (tarifas light e promo): R$ 60 nos canais digitais e R$ 120 no balcão de check-in.
Segunda bagagem: R$ 115 nos canais digitais e R$ 230 no balcão de check-in.
Terceira a quinta bagagem (cada): R$ 300 nos canais digitais e R$ 600 no balcão de check-in.

Azul 

Bagagem de mão
É permitido levar gratuitamente bagagem de mão de até 10 quilos. Tamanho: 35 x 25 x 55 centímetros (comprimento x largura x altura). 
Também é permitido levar um artigo pessoal, como bolsa, notebook ou sacola com compras do free shop, por exemplo. 

Bagagem despachada
Peso: até 23 quilos
Tamanho: dimensão máxima de 158 centímetros (altura x largura x comprimento)

Valores em voos nacionais
Tarifa MaizAzul: inclui uma bagagem gratuita
Tarifa Azul: não inclui bagagem
Para incluir uma bagagem: R$ 60 pelos canais digtais ou call center e R$ 120 no aeroporto 

Valores em voos internacionais
Classe econômica: duas bagagens gratuitas 
Azul Business: três bagagens gratuitas

Latam

Bagagem de mão
É permitido levar gratuitamente uma bagagem de mão de até 10 quilos. Tamanho: 55 x 35 x 25 centímetros (altura x largura x comprimento). 
Também é permitido levar um artigo pessoal, como bolsa, notebook ou sacola com compras do free shop, por exemplo. 

Bagagem despachada
Peso: até 23 quilos
Tamanho: dimensão máxima de 158 centímetros (altura x largura x comprimento)
A inclusão ou não de bagagem despachada varia de acordo com as tarifas e as rotas dos voos.

Valores nacionais
Tarifas promo e light: a bagagem custa R$ 59 por trecho, válido para compras feitas até 3 horas antes do embarque e R$ 120 se a compra for efetuada no check-in. 
Tarifas plus: inclui uma bagagem gratuita
Tarifa top: inclui duas bagagens gratuitas

Valores em voos internacionais
P
ara voos entre países da América do Sul, os valores variam de acordo com a rota e custam a partir de US$ 20 para bagagem despachada. A tarifa plus inclui uma bagagem gratuita e a tarifa top inclui duas bagagens gratuitas. Para voos com origem e destino na Europa (exceto voos de/para o Reino Unido), os valores variam entre US$ 55 para volumes adquiridos até 6 horas antes do voo e US$ 75 se adquiridos com menos de 6 horas de antecedência. A tarifa plus inclui uma bagagem gratuita e a tarifa top inclui duas bagagens gratuitas. 

Avianca

Bagagem de mão
É permitido levar gratuitamente uma bagagem de mão de até 10 quilos. Tamanho: 35 x 55 x 25 centímetros (largura x altura x profundidade).
Também é permitido levar um artigo pessoal, como bolsa, notebook ou sacola com compras do free shop, por exemplo. 

Bagagem despachada
Peso: até 23 quilos
Tamanho: dimensão máxima de 158 centímetros (altura x largura x comprimento)

Valores em voos nacionais
Tarifa promo: não inclui bagagem
Tarifa economy: inclui uma bagagem gratuita
Tarifa flex: inclui duas peças gratuitas
Até 6 horas antes do voo:
Primeira bagagem: R$ 60
Segunda bagagem: R$ 100
Terceira ou demais: R$ 130 cada

A partir de 6 horas até o fechamento do check-in
Primeira bagagem: R$ 120
Segunda bagagem: R$ 140
Terceira ou demais: R$ 220 cada

Voos para a América Latina
Tarifa promo: inclui uma bagagem gratuita
Tarifas economy e flex: inclui uma bagagem gratuita
Tarifas business promo e business: inclui duas bagagens gratuitas 

Até 6 horas antes do voo
Primeira bagagem: US$ 40
Segunda bagagem: US$ 60
Terceira ou demais: US$ 80

A partir de 6 horas até o fechamento do check-in
Valor por bagagem: US$ 100

Três aplicativos que ajudam a controlar

1- Momondo
O aplicativo mede, por meio de realidade aumentada, as dimensões da bagagem e informa quais são os limites da companhia aérea contratada, assim, você já fica sabendo se a mala pode ir na cabine. O app está disponível para iOS e Android.

2- Latam Airlines
O app cria uma caixa virtual de 35 cm de largura e 55 cm de comprimento e, se a mala couber dentro da caixa virtual, ela está aprovada para se levada na cabine. O app está disponível para iOS e Android. 

3- Kayak
Para medir a bagagem é preciso primeiramente escanear o chão (para ajudar na calibragem das medições), e depois mover a câmera ao redor da mala para capturar o tamanho, a partir disso, o app faz cálculo e dá as medidas de comprimento, largura e altura. 

 

Fonte: gauchazh.clicrbs

 

 

Ler 45 vezes
JR Esquadrias