Esportes (353)

Vereadora era torcedora rubro-negra e figura presente nos jogos. Assassinato ocorreu na última quarta-feira (14), no bairro do Estácio, quando voltava de um evento

O assassinato de Marielle Franco (PSOL-RJ) e de seu motorista, Anderson Pedro Gomes, na noite da última quarta-feira (14), chocou o noticiário e repercutiu no Flamengo. Através de sua rede social, o clube lamentou o ocorrido e prestou homenagem à vereadora, que era torcedora rubro-negra.

- Lamentamos profundamente o falecimento da rubro-negra Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Pedro Gomes, mortos covardemente na noite de ontem. É difícil conviver com tantos atos de violência, que matam, diariamente, inocentes, mulheres, crianças e homens em todo país - publicou em sua rede social.


Marielle tinha 38 anos e era figura presente em jogos do Flamengo. O clube enviou uma bandeira de luto e uma coroa de flores ao velório da vereadora, que acontece nesta quinta-feira (15). Na Gávea, a bandeira foi hasteada a meio-mastro em sinal de luto. 

Entenda o caso:

Socióloga e eleita vereadora com a quinta maior votação no Rio de Janeiro, Marielle Franco saia de uma reunião na noite desta quarta, quando um carro parelhou com o veículo onde estava e disparou nove tiros. Ela e o motorista morreram na hora. A assessora sofreu apenas ferimentos leves. 

Segundo investigadores da Delegacia de Homicídios (DH), os criminosos fugiram sem roubar nada ou tentar assaltar o veículo. Dias antes, a vereadora havia sido designada como relatora da Comissão que acompanha as tropas na intervenção federal no Rio e denunciou ação violenta de PMs do Batalhão de Irajá contra moradores em Acari.

 

Durante o mês de março, a seleção entra em campo em dois amistosos

Às vésperas da disputa dos amistosos de março das seleções nacionais, a Fifa divulgou nesta quinta-feira a atualização mensal do seu ranking sem novidades de peso. A lista continua sendo liderada pela Alemanha, que soma 1.609 pontos e continua sendo seguida pelo Brasil, o segundo colocado, com 1.489.

De acordo com a Fifa, entre a divulgação da lista de fevereiro e a de março, foram disputados apenas dois amistosos internacionais. E essa calmaria se refletiu no seu ranking. Assim, logo atrás de Alemanha e Brasil, permanecem as seleções de Portugal, terceira colocada com 1.360 pontos, a Argentina, na quarta posição, com 1.359, e a Bélgica, em quinto lugar, com 1.337.

A Polônia ascendeu um posto e agora ocupa a sexta colocação, compartilhada com a Espanha, ambas com 1.228 pontos. Essa subida foi a única alteração no Top 20 da lista em março e deixa a seleção polonesa a apenas uma posição de alcançar o seu melhor desempenho histórico no ranking da Fifa.


A relação dos dez primeiros colocados do ranking da Fifa é completado, em ordem, por Suíça, com 1.197 pontos, França, com 1.185, e Chile, com 1.161. O México, na 17ª posição, lidera as equipes da Concacaf. A Tunísia, em 23º lugar, continua sendo a melhor seleção africana, enquanto o Irã, na 33ª colocação, é a mais bem posicionada equipe da Ásia.

Esse marasmo deverá ser alterado na atualização de abril do ranking, prevista para ser divulgada no dia 12, quando diversos amistosos terão sido disputados. Um dos destaques será o reencontro entre Alemanha e Brasil, em 27 de março, em Berlim. Antes, no dia 23, a seleção vai enfrentar a Rússia, em Moscou. A equipe anfitriã da Copa do Mundo está apenas na 63ª posição na lista.

Confira a classificação atualizada do ranking da Fifa:

1º - Alemanha, 1.609 pontos

2º - Brasil, 1.489

3º - Portugal, 1.360

4º - Argentina, 1.359

5º - Bélgica, 1.337

6º - Polônia, 1.228

6º - Espanha, 1.228

8º - Suíça, 1.197

9º - França, 1.185

10º - Chile, 1.161

11º - Peru, 1.128

12º - Dinamarca, 1.108

13º - Colômbia, 1.106

14º - Itália, 1.062

15º - Croácia, 1.053

16º - Inglaterra, 1.047

17º - México, 1.038

18º - Islândia, 1.026

19º - Suécia, 1.002

20º - País de Gales, 984

FONTE: Agência Estado / superesportes

 

O Barcelona já ofereceu um contrato vitalício a Lionel Messi que tem hoje um  salário de  46 milhões de euros por temporada.

Entre os astros do futebol que ganham muito dinheiro, há várias surpresas. Ainda que este ranking vá se atualizando dia a dia devido às constantes ultrapassagens, e à aparição de novos mercados que apontam outras figuras dos demais continentes, esses jogadores seguem enchendo o bolso de dinheiro.

 

NEYMAR.jpg

 

Neste seleto grupo de jogadores, dinheiro definitivamente não é problema. Conheça os jogadores mais bem pagos do mundo e quanto ganha cada um deles.

Bafétimbi Gomis

BAFETIMBI.jpg

Inauguramos a lista dos milionários da bola com o francês Bafétimbi Gomis. Com passagens pelo Lyon e Olympique de Marseille, o atacante defende atualmente o Galatasaray da Turquia. Bafétimbi recebe um salário anual de 5 milhões de euros por temporada. Um ótimo valor, para um atleta de 32 anos de idade.

Paulinho

PAULINHO.jpg

 

O brasileiro Paulinho trocou a China por Barcelona, mas nem por isso deixou de ganhar muito dinheiro. Atualmente o volante é um dos principais jogadores do atual elenco e recebe 5 milhões de euros por temporada. Vale ressaltar que este valor é menor do que ele recebia no futebol chinês. Os vencimentos de Paulinho na China eram de 7 milhões de euros por temporada. Ele vai ter que gastar menos no restaurante!

Balotelli

BALOTELLI.jpg

O jogador mais polêmico do futebol europeu não estaria de fora desta lista. Mário Balotelli atuou em gigantes times da Europa como Internazionale, Liverpool, Manchester City e Milan. Atualmente ele defende o modesto Nice da França, mas o salário do atacante está bem longe de ser simples, Balotelli recebe 5,4 milhões de euros por temporada.

James Rodríguez

JAMES.jpg

Destaque da Copa do Mundo de 2014, o colombiano James Rodríguez viu sua popularidade aumentar junto com seu salário. Após o mundial, ele transferiu-se para o Real Madrid onde atuou pouco e foi emprestado ao Bayern de Munique. Na Alemanha, James brilha e ganha muito dinheiro. O atacante recebe 6 milhões de euros por temporada. Caso o Bayern queira ficar em definitivo com o camisa 11, vai ter que desembolsar 60 milhões de euros.

Gerard Piqué

PIQUE.jpg

Criado nas categorias de base do Barcelona, Gerard Pique defende com “unhas e dentes” a camisa azul e grená. Em seus quase dez anos de clube, o zagueiro já conquistou todos os títulos possíveis e recentemente renovou seu contrato até 2021. O camisa três recebe por temporada 6 milhões de euros. Um ótimo reconhecimento por todos os serviços prestados ao barça!

Rakitic

RAKITIC.jpg

Aos 24 anos de idade Ivan Rakitic viu sua carreira mudar completamente. Após destacar-se com a seleção croata no mundial de 2014. Ele foi comprado pelo Barcelona junto ao Sevilla por 20 milhões de euros e suas atuações têm mostrado que o clube catalão fez um excelente negócio. Titular absoluto, o volante recebe 6,5 milhões de euros por temporada.

Renato Augusto

RENATO.jpg

Um dos melhores volantes do futebol atual, Renato Augusto não precisa estar na Europa para se destacar e ganhar bastante dinheiro. Atualmente no Beijing Guoan, o brasileiro que também é figura fundamental na seleção brasileira, recebe 6,5 milhões de euros por temporada. Parece que viver na China, virou um grande negócio!

Harry Kane

HARRY_KANE.jpg

O atacante mais cobiçado do futebol europeu, vive o auge da carreira aos 24 anos. Harry Kane não defende um grande clube europeu, atualmente está no Tottenham da Inglaterra, mas é um dos artilheiros da atual temporada contando todas as ligas europeias. Nos “Spurs”, Kane recebe um salário anual de 6,8 milhões de euros. Este valor deve aumentar consideravelmente, caso o atacante transfira-se para o Real Madrid ao final desta temporada.

Falcão García

FALCAO.jpg

No atual campeonato francês, Falcão García é o único jogador a ter um ótimo salário e que não atua no Paris Saint-Germain. O colombiano que defende o Mônaco recebe 7,2 milhões de euros por temporada. Um dos maiores artilheiros da seleção colombiana, Falcão deve se valorizar ainda mais após a disputa do mundial da Rússia este ano.

Gabriel Jesus

GABRIEL.jpg

Aos 18 anos de idade, o brasileiro já é considerado uma “mina de ouro”. Gabriel Jesus chegou a menos de um ano na Europa e conquistou os torcedores e a imprensa inglesa, tanto que já teve seu contrato renovado. Até 2023 o atacante vai seguir na terra da rainha e ganhar muito dinheiro. Atualmente o salário do atacante é de 7,2 milhões de euros por temporada.

Higuaín

HIGUAÍN.jpg

Gonzalo Higuaín é a esperança de gols da seleção argentina no mundial da Rússia. Por 90 milhões de euros, o argentino trocou o Napoli pela Juventus em 2016. Esta foi a terceira contratação mais cara da história na época. Higuaín recebe 7,5 milhões de euros por temporada e faz jus ao ótimo salário, até agora são 44 gols em 84 jogos disputados.

Iniesta

INIESTA.jpg

Ele foi responsável pelo gol mais importante da história do futebol espanhol. Andrés Iniesta deu o título mundial a “fúria” na Copa do Mundo de 2010 e há 22 anos defende o mesmo clube: o Barcelona. O gênio com a bola nos pés, talvez não receba tanto o quanto merece, “são apenas” 7,5 milhões de euros por temporada.

Cavani

CAVANI.jpg

Como a palavra crise não existe no PSG, pagar milhões de euros por uma transferência ou apenas em salários, não é problema para o dono do time. Foi assim que Edinson Cavani deixou o Napoli para morar em Paris em 2013 por “apenas” 64 milhões de euros. Atualmente ele forma um ataque poderoso ao lado de Neymar e Mbapée. O uruguaio recebe por temporada 10 milhões de euros.

Sérgio Ramos

SERGIO_RAMOS.jpg

Capitão e maior símbolo do Real Madrid, este é Sérgio Ramos. Um dos líderes do elenco merengue, o zagueiro carrega a braçadeira de capitão desde que Raúl deixou o clube. Ramos custou 27 milhões de euros ao Real em 2005 quando tinha apenas 19 anos de idade. Além da valorização na carreira, ele segue engordando sua conta bancária, o salário anual do defensor é de 10 milhões de euros.

Lewandowski

LEWANDOWSKI.jpg

Aos 29 anos de idade Robert Lewandowski, já fez 233 gols na carreira e está na lista dos três melhores atacantes do futebol atual. O polonês deixou o Borussia Dortmund após a Copa do Mundo de 2014 para defender as cores do Bayern de Munique. O salário de Lewandowski no time bávaro é de 10 milhões de euros por temporada. Ótimo custo benefício para o clube alemão.

Alex Teixeira

ALEX_TEIXEIRA.jpg

Revelado pelo Vasco, Alex Teixeira chega aos 27 anos com vencimentos de dar inveja. Durante seis anos, o brasileiro atuou no futebol ucraniano jogando pelo Shakhtar Donetsk, mas foi na China que começou a ganhar bastante dinheiro. Em 2016, transferiu-se para o Jiangsu Suning, por inacreditáveis 50 milhões de euros, e atualmente recebe um salário de 12 milhões por temporada.

Toni Kroos

TONI.jpg

Campeão do Mundo em 2014 pela seleção alemã, Toni Kroos foi a melhor contratação do futebol europeu na época. O volante custou 30 milhões de euros aos cofres do Real, mas joga um futebol que vale muito mais. Com contrato até 2020, Kroos recebe 12 milhões de euros por temporada.

Di María

DI_MARIA.jpg

O meia argentino Ángel Di María sempre custou caro por todos os clubes que passou. A transferência dele para o Manchester United em 2014 foi de 75 milhões de euros e apenas um ano depois, o Paris Saint-Germain pagou aos ingleses 63 milhões de euros para um contrato de 4 anos. Mesmo não sendo titular absoluto da equipe parisiense, ele recebe 12,6 milhões de euros por temporada.

Jackson Martínez

MARTÍNEZ.jpg

O atacante Jackson Martínez já resolveu a sua vida profissional. Com passagens pelo Porto e Atlético de Madrid, Martínez resolveu pensar no lado financeiro ao acertar sua ida para o Guangzhou Evergrande por 42 milhões de euros. O colombiano ainda recebe um salário de 12,5 milhões de euros por temporada.

Ramires

RAMIRES.jpg

Ele surgiu no Cruzeiro em 2007 e chamou a atenção do futebol europeu. Quando foi para o velho continente, Ramires atuou no Benfica e Chelsea, e já havia acumulado dinheiro suficiente para sua aposentadoria. Até que surgiram os chineses. Ramires deixou o Chelsea rumo ao Jiangsu Suning por 28 milhões de euros e recebe um salário de 13 milhões de euros por temporada.

Thiago Silva

THIAGO.jpg

O zagueiro com o maior salário da Europa é o brasileiro Thiago Silva. Desde que chegou ao velho continente, recebeu o apelido de “monstro” graças a suas grandes atuações no Milan. Thiago foi vendido ao Paris Saint-Germain em 2012 por 44 milhões de euros, na época está foi a maior transação de um zagueiro na história do futebol. O salário do defensor é de 13 milhões de euros por temporada. Um salário “monstro” como ele!

Philippe Coutinho

COUTINHO.jpg

Há menos de um mês Philippe Coutinho tornou-se a segunda maior contratação da história do futebol, atrás apenas de Neymar. O brasileiro deixou o Liverpool e desembarcou em Barcelona por 130 milhões de euros, a contratação mais cara da história do Barcelona e consequentemente a maior venda do futebol inglês. O meia vai receber 13 milhões de euros por temporada.

Sergio Aguero

AGUERO.jpg

O argentino Sergio Aguero tem motivos de sobra para sorrir, afinal ele recebe um salário espetacular. Um dos melhores jogadores do Manchester City da Inglaterra, o atacante tem vencimentos de 14 milhões de euros por temporada. Aguero está no City desde 2011, e é o maior artilheiro da história do clube com 188 gols.

Yaya Touré

TOURE.jpg

O marfinense Yaya Touré desfilou classe e muita qualidade por todos os clubes que passou: Olympiacos, Mônaco e Barcelona. Touré só defendeu grandes equipes e foi sempre foi muito bem recompensado. Em 2010 chegou ao Manchester City por 24 milhões de euros, atualmente seus rendimentos são de 14 milhões de euros por temporada.

Luis Suarez

SUAREZ.jpg

O uruguaio Luis Suarez chegou ao Barcelona com números expressivos. A transferência junto ao Liverpool da Inglaterra, custou aos cofres do barça cerca de 90 milhões de euros. “Luisito” como é chamado, têm contrato até 2021 e recebe 14,6 milhões de euros. Ulalá…

Zlatan Ibrahimovic

Zlatan Ibrahimovic

O atacante sueco do Manchester United, Zlatan Ibrahimovic, representa para os Red Devils um gasto de 15 milhões de euros por temporada. Atual camisa 10 dos “diabos vermelhos”, Ibra recebia no Paris Saint Germain, 2,5 milhões. A transferência fez muito bem a saúde financeira do craque.

Wayne Rooney

ROONEY.jpg

Em julho de 2017, Wayne Rooney, acertou seu retorno ao Everton da Inglaterra após 13 anos defendendo o Manchester United. Rooney recebe anualmente 15 milhões de euros. Talvez seja o melhor panorama com o qual um jogador pode sonhar. Retornar ao clube que o revelou para o futebol mundial e, além disso, ter um salário maravilhoso. Será?!

Graziano Pellè

PELLE.jpg

O italiano está entre os jogadores menos conhecidos desta lista de estrelas, mas sabe negociar muito bem seus contratos. O ex-jogador do Southampton da Inglaterra, tem o privilégio de ganhar 17 milhões de euros por temporada graças ao Shandong Luneng da China. Pellè assinou um contrato de dois anos com os chineses, cada gol do atacante vale uma fortuna.

Paul Pogba

Paul Pogba

Um dos jogadores mais cobiçados da Europa, o francês Paul Pogba, também é um dos mais bem pagos do futebol. Sua transferência da Juventus para o Manchester United custou 105 milhões de euros na época. Seu salário atual é 17,5 milhões de euros por temporada. Além do salário milionário, outro fator que chama a atenção é fato de ele não ser atacante, como a maioria do jogadores desta lista. Aposto que você ainda está se perguntando por quê nunca jogou bola…

Witsel

WITSEL.jpg

O belga Axel Witsel também abriu mão de jogar em grandes ligas da Europa para pensar somente no bolso. Quando atuava pelo Zenit da Rússia, já tinha bons vencimentos mensais e isso melhorou muito quando transferiu-se para o Tianjin Quanjian. Na China, Witsel recebe 18 milhões de euros por temporada. Cadê a hashtag #partiuchina ?

Gervinho

GERVINHO.jpg

O atacante marfinense, Gervinho, brilhou em grandes times europeus, mas está ganhando dinheiro mesmo no futebol chinês. Com passagens por Arsenal da Inglaterra e Roma da Itália, Gervinho foi vendido ao Hebei Fortune em janeiro de 2016. Ele recebe no clube chinês, cerca de 18 milhões de euros por temporada. Dá-lhe China!

Mbapée

MBAPEE.jpg

O novo craque do futebol francês atende pelo nome de Mbapéé. O garoto de 19 anos chegou esta temporada ao Paris Saint-Germain por empréstimo para ser o novo parça de Neymar. O salário do atacante é de gente grande, 18 milhões de euros por temporada. Como está emprestado pelo Mônaco, outra equipe francesa, se quiser ficar em definitivo com Mbapée, o PSG terá que desembolsar 180 milhões de euros. O menino vale ouro.

Alexis Sánchez

SANCHEZ.jpg

O chileno Alexis Sánchez acaba de trocar o Arsenal pelo Manchester United. O atacante que foi disputado por diversos clubes europeus, custou 34 milhões de euros aos cofres dos “diabos vermelhos”. Sánchez vai usar a camisa 7 que já foi de Cristiano Ronaldo e vai receber 19 milhões de euros por temporada.

Hulk

HULK.jpg

O atacante brasileiro Hulk, foi umas das primeiras estrelas a desembarcar na Super Liga Chinesa. A proposta salarial do Shangai SIPG foi tentadora: 20 milhões de euros por temporada. A transferência do Zenit da Rússia a China foi um baita negócio para o “Incrível Hulk”. Olê, olê, olê, olááá, Chinaaaa, Chinaaaa!

Gareth Bale

BALE.jpg

Em 2013, Gareth Bale deixou o Tottenham da Inglaterra rumo a Madri por 100 milhões de euros. O galês é um dos principais jogadores do Real Madrid e também tem um dos maiores salários: 20,2 milhões de euros. Bale divide com Cristiano Ronaldo o posto de maior salário do elenco.

Cristiano Ronaldo

CRISTIANO_RONALDO.jpg

Surpreendentemente, Cristiano Ronaldo está longe do top três desta lista. A verdade é que o português é um dos jogadores mais valorizados do mundo levando em conta direitos de imagem e patrocínios. O Real Madrid paga cerca de 21 milhões de euros por temporada a Ronaldo, que mantém um contrato com os espanhóis até 2021.

Lavezzi

LAVEZZI.jpg

O argentino Ezequiel Lavezzi fez mesmo um “negócio da China” ao trocar o Paris Saint-Germain pelo Hebei Fortune. Há exatamente um ano, Lavezzi foi morar do outro lado do mundo para ganhar nada menos que 23 milhões de euros por dois anos de contrato. Com a aposentadoria garantida, o atacante quer realizar o sonho de ser campeão mundial na Rússia este ano.

Oscar

OSCAR.jpg

O brasileiro Oscar era um dos maiores jogadores do futebol inglês e brilhava no Chelsea, até chegar uma proposta irrecusável dos chineses, sim eles de novo! Os chineses do Shangai SIPG pagaram 60 milhões de euros pelo jogador e lhe ofereceram um salário anual de 24 milhões de euros por temporada. Oscar pode até retornar a Europa um dia, mas com certeza não será por dinheiro. Abre o olho Europa, porque a China tá que tá!

Neymar

NEYMAR_1.jpg

Ele chegou ao velho continente como o sucessor de Messi, mas agora é a estrela do Paris Saint-Germain.Responsável pela transferência mais cara da história, Neymar deixou Barcelona rumo a Paris por escandalosos 222 milhões de euros. O ex-menino da vila, recebe do PSG 36 milhões de euros por temporada, o maior salário do mundo. Estes valores astronômicos são justificados dentro de campo. O brasileiro está vivendo uma grande fase no time da capital francesa. Será que daqui a pouco ele também vai parar na China?!

Lionel Messi

Lionel Messi

O Barcelona já ofereceu um contrato vitalício a Lionel Messi. Tudo indica que o camisa 10, eleito por cinco vezes o melhor jogador do mundo, vai encerrar a carreira no barça. O dia da aposentadoria está muito longe e enquanto não chega, Messi continuará recebendo um ótimo salário: incríveis 46 milhões de euros por temporada. O vínculo do argentino com o clubeblaugrana transcende os fatores esportivo e econômico. Quando Messi era apenas um garoto, os espanhóis apostaram nele ao pagar pelo tratamento com os hormônios de crescimento que ele necessitava. Um “carinho” do clube que ele nunca esqueceu!

Fonte: Desafiomundial

Alvinegro sai na frente, mas perde por 2 a 1 e cai logo na primeira fase

O Botafogo protagonizou um grande vexame neste início de temporada. O Alvinegro foi eliminado da primeira fase da Copa do Brasil ao ser derrotado, de virada, pela Aparecidense por 2 a 1, em partida disputada na noite desta terça-feira, no estádio Anibal Toledo. Agora, a equipe goiana vai enfrentar o Cuiabá, que despachou o Aimoré-RS.

 
O resultado foi justo porque o Botafogo foi um time confuso que conseguiu sair na frente do marcador, mas foi superado pela equipe de Goiás, que mostrou muito mais organização do que o mostrado pelo Alvinegro de General Severiano. Rodrigo Pimpão marcou no primeiro tempo para o time carioca, mas a Aparecidense voltou melhor para a etapa final e acabou conseguindo fazer história ao despachar o Botafogo.
 
O jogo
 
Armado com três zagueiros, o Botafogo começou a partida no ataque. E logo aos seis minutos, o Alvinegro carioca marcou o primeiro gol. João Paulo fez lançamento pelo meio, Rodrigo Pimpão ganhou da zaga e encobriu o goleiro Busatto.  O atacante voltou a marcar depois de longo jejum, pois não fazia gol desde agosto do ano passado.
 
Só depois de sofrer o gol é que a Aparecidense passou a se preocupar com o ataque. Aos 15 minutos, Wagner arriscou de fora da área, Jefferson defendeu parcialmente, mas Nonato que apanhou o rebote, estava em posição irregular. Três minutos depois, após rebatida de Igor Rabello, Thiago Ulisses experimentou de longe, mas mandou para fora.
O Botafogo só voltou a incomodar aos 23 minutos em lançamento de Dudu Cearense para Rodrigo Pimpão que investiu pela direita, mas cruzou errado. Logo depois, o goleiro Busatto teve de sair de soco para evitar a penetração de Brenner. A Aparecidense revidou com um chute perigoso de Wagner que encobriu o travessão defendido por Jéfferson.
 
Aos 30 minutos, o time de General Severiano teve a chance de ampliar em cobrança de falta na entrada da área, mas a cobrança de João Paulo encobriu o travessão.
 
O Botafogo criou outra boa chance aos 35 minutos, quando Felipe Costa falhou ao tentar dominar a bola e permitiu que Rodrigo Pimpão investisse pela esquerda. O atacante cruzou para a entrada de Brenner, mas o goleiro Busato saiu bem e aliviou o perigo. Um minutos depois, após jogada na área goiana, Arnaldo bateu, a bola desviou na zaga e sobrou para Pimpão encher o pé e mandar por cima.
 
Aos 42 minutos, Pimpão recebeu na esquerda e fez lançamento perfeito para Luiz Fernando, livre na área, mas o atacante concluiu muito mal.
 
A Aparecidense voltou mais empolgada para o segundo tempo e logo chegou ao empate, logo aos dois minutos. Everton cruzou e o veterano Nonato se aproveitou da indecisão de Marcelo para cabecar sem chances para Jefferson. Animado com o empate, o time goiano partiu para buscar a vaga e quase complicou a vida do time carioca aos oito minutos em chute de Alex Henrique que obrigou o goleiro do Botafogo a defender em dois tempos, quase permitindo a entrada de Nonato.
 
O técnico Felipe Conceição decidiu trocar o ineficiente Brenner por Kieza para tentar sair do cerco imposto pela equipe goiana, mas o Botafogo encontrava muita dificuldade para pressionar. Logo depois, o treinador alvinegro trocou Dudu Cearense por Rodrigo Lindoso para tentar dar mais mobilidade ao time.
 
Só aos 18 minutos é que o Botafogo voltou a ameaçar em cruzamento fechado de Pimpão que quase surpreendeu o goleiro Busatto.
 
O time carioca encontrava cada vez mais dificuldade para organizar jogadas ofensivas e tentava administrar o resultado, uma vez que o empate garantiria a vaga.
 
Aos 37 minutos, Rodrigo Pimpão reclamou acintosamente de uma falta não marcada pelo árbitro e acabou recebendo cartão vermelho. Logo depois, a Aparecidense marcou o segundo gol. Após cruzamento na área, Gustavo Ramos cabeceou sem chances de defesa para Jefferson.
 
Com um jogador a menos e em desvantagem no placar, o Botafogo partiu de forma desesperada para buscar o gol do empate que evitaria a eliminação, mas apesar do esforço de Carli e Igor Rabello que se mandaram para o ataque, a Aparecidense conseguiu segurar o resultado..
 
APARECIDENSE 2 X 1 BOTAFOGO
 
APARECIDENSE
Busatto; Everton, Felipe, Mirita e Helder; Uederson, Wagner, Tiago Ulisses (Cristian) e Alex Henrique (Gustavo Ramos); Aleilson (Kaio Wilker) e Nonato
Técnico: Márcio Azevedo
 
BOTAFOGO
Jefferson; Joel Carli, Marcelo e Igor Rabello; Arnaldo,  Dudu Cearense (Rodrigo Lindoso), João Paulo, Luiz Fernando (Renatinho) e Gilson; Rodrigo Pimpão e Brenner (Kieza)
Técnico: Felipe Conceição
 
Local: Estádio Anibal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia (GO)
Data: 6 de fevereiro de 2018 (Terça-feira)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
Cartão Amarelo: Wagner, Kaio Wilker (Apa);Gilson, Luiz Fernando, Arnaldo(Bota)
Cartão Vermelho: Rodrigo Pimpão(Bota)
GOLS: Rodrigo Pimpão, aos 6min do 1ºT; Nonato, 2, Gustavo Ramos, aos 39min do 2ºT
 
Fonte: Mg.superesportes
Ronaldo Jacaré acertou forte chute alto e derrotou Derek Brunson por nocaute técnico
 
Em seu retorno ao octógono, Ronaldo Jacaré venceu o norte-americano Derek Brunson por nocaute no UFC, na madrugada deste domingo, no UFC Charlotte, nos Estados Unidos. Com o resultado, o lutador encerrou o jejum de vitórias brasileiras neste ano. O País vinha de nove derrotas consecutivas na competição nestas primeiras semanas de 2018.
 
Com a boa performance, Jacaré repetiu o resultado obtido sobre Brunson na luta que disputaram em 2012, ainda pelo Strikeforce. O brasileiro, contudo, vinha de derrota por nocaute para Robert Whitakker, atual campeão dos pesos médios (até 84 kg), em sua última luta, ainda em abril do ano passado.
 
O triunfo do último domingo credencia Jacaré a disputar o cinturão dos pesos médios nos próximos meses. O brasileiro é o atual número 3 do ranking da sua categoria. "Me sinto bem. Quatro meses atrás eu estava no hospital. Minha esposa ia ao hospital me dar banho", lembrou o lutador, ao se referir às duas cirurgias que realizou em 2017.
 
Para voltar ao octógono com vitória, Jacaré precisou de menos de quatro minutos para superar o adversário. Um forte chute de perna direita na cabeça derrubou Brunson, encerrando o duelo, que até então parecia equilibrado.
 
Após a luta, o brasileiro evitou falar sobre o futuro. Antes do duelo, ele já havia indicado que não queria projetar a briga pelo cinturão. "Não quero comentar sobre o cinturão, até porque quanto mais eu falo, mais ele corre de mim. Eu quero lutar, vencer e andar para frente", dissera Jacaré, antes do nocaute deste domingo.
 
CARD PRINCIPAL
 
Ronaldo Jacaré derrotou Derek Brunson por nocaute aos 3m50s do 1º round
Andre Fili derrotou Dennis Bermudez por decisão dividida (29-28, 30-27, 29-28)
Gregor Gillespie derrotou Jordan Rinaldi por nocaute técnico aos 4m46s do 1º round
Drew Dober derrotou Frank Camacho por decisão unânime(29-28, 29-28, 30-27)
 
CARD PRELIMINAR
 
Bobby Green derrotou Erik Koch por decisão unânume (triplo 29-28)
Mirsad Bektic derrotou Godofredo Pepey por nocaute técnico 2m47s do 1º round
Katlyn Chookagian derrotou Mara Borelo Morella por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27).
                                                                                                                                        Randa Markos derrotou Juliana Lima por decisão unânime (triplo 30-27)
Ji Yeon Kim derrotou Justine Kish por decisão dividida (29-28, 28-29, 30-27)
Vinc Pichel derrotou Netto BJJ por decisão unânime (triplo 29-28)
Niko Price derrotou George Sullivan por finalização (mata-leão) aos 4m21s do 2º round
Cory Sandhagen derrotou Austin Arnett por nocaute técnico aos 3m48s do 2º round
 
 
 
Fonte: Pe.superesportes
Minha volta é um projeto de 3 meses para encerrar carreira no fim do Carioca", disse Júlio César...
 
De volta ao Flamengo, Julio César decidiu voltar ao clube que o revelou para o futebol. O retorno, no entanto, tem data de validade. Serão apenas três meses com o objetivo claro de encerrar a carreira no Rubro-negro após a disputa do Campeonato Carioca. Além dos três meses, o goleiro assinou contrato de cavalheiro, o que representa salário simbólico.
 
"Não existe a possibilidade de estender o contrato. Mesmo que tenha a possibilidade jogar e que vá muito bem. Aí pode surgir essa vontade, mas o Flamengo não necessita. Flamengo tem grandes goleiros. E minha volta é um projeto de 3 meses para encerrar carreira no fim do Carioca", disse Júlio César.
 
Antes de ter a palavra, Júlio César escutou as boas-vindas do diretor executivo Rodrigo Caetano, que revelou que o goleiro teria um salário "simbólico.
 
"Partiu do Júlio esse desejo de retornar ao Flamengo e por um prazo determinado [três meses]. Começou a fazer contato, manifestou que sua carreira faltaria realizar esse sonho de retornar. Saída do Muralha abriu essa possibilidade. Se fosse observamos qualquer outro goleiro senão o Júlio não traríamos, mas como é um caso diferente, entendemos que a vinda traria enorme benefícios. Veio por um valor simbólico, o que mostra todo seu amor pelo clube", explicou o dirigente.
 
Julio César ainda não tem data para retornar aos gramados, mas como o objetivo é encerrar a carreira após o Carioca é preciso um pouco de agilidade. Como vinha atuando no Benfica, seu último clube, até o fim do ano, um recondicionamento físico não deverá ser tão demorado.
 
Fonte UOL

Com a insistente investida do Real Madrid em ter Neymar e a possível insatisfação do craque para jogar em Paris, os rumores da saída dele do Paris Saint-Germain se tornam cada vez mais fortes. Por isso, o presidente do clube francês, Nasser Al Khelaifi, fez uma espécie de promessa ao seu camisa 10: se o PSG vencer a Champions League, ele vai deixar o jogador ir para onde ele quiser. É o que garantiu o site "Goal.com".

Conforme o portal, a eventual transferência de Neymar para o Real Madrid está condicionada ao êxito do PSG na competição. Inclusive, as duas equipes são rivais nas oitavas de final da temporada 2017/2018, com o primeiro duelo marcado para 14 de fevereiro, no Santiago Bernabéu, e o segundo no dia 6 de março, no Parque dos Príncipes.

 

Segundo o "Goal.com", nas últimas semanas, o atacante brasileiro voltou a confidenciar a pessoas próximas que mantém vivo o sonho de defender o time merengue. Ele não está insatisfeito na França, mas trabalha com a meta de ser referência do Real no futuro próximo. Além disso, o craque vê a chance de conquistar a sua primeira Bola de Ouro se vestir o uniforme do time espanhol.

O presidente Florentino Pérez, aliás, declarou durante a última premiação da Bola de Ouro, em dezembro do ano passado, em Paris, que Neymar teria tudo para atingir o posto de melhor do mundo se jogasse no Real.

"Neymar teria mais chances de ganhar a Bola de Ouro se fosse jogador do Real Madrid. O Real é um clube que dá aos maiores jogadores o que eles precisam. Todo mundo sabe que eu quis contratá-lo no passado", destacou.

Fonte: Portal Extra

 

A história é antiga: craque o Flamengo faz em casa. E, pela quarta vez, o Mais Querido conquistou o mais importante título de futebol de base do país. A maioria adversária nas arquibancadas foi só mais um obstáculo superado na trajetória de garotos guerreiros e, nesta quinta (25), a vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo selou o título.

O primeiro gol saiu antes que os times sequer pensassem no jogo. Com dois minutos de bola rolando, Pepê cobrou escanteio com capricho, Wendel cabeceou na lateral da rede e marcou o único gol.

O São Paulo buscou a vitória e intensificou os esforços no segundo tempo, mas parou na capacidade tática rubro-negra e em belíssimas defesas de Yago.

A vantagem não mudou o estilo rubro-negro de jogar. Com muitos passes nas saídas de bola e escapadas pelas pontas do campo, o Flamengo não se deixou dominar pelo adversário e conseguiu boas jogadas mesmo nos momentos de maior pressão.

Pepê acertou belo lançamento aos 19 e Lucas Silva recebeu, mas acabou finalizando para fora. O autor da assistência do gol apareceu bem também aos 23, ao driblar pela direita e bater cruzado, balançando a rede pelo lado de fora.

A pressão tricolor se insensificou na segunda etapa, mas o Mais Querido não perdeu a forma de jogar e, mesmo com menos posse de bola, não deu espaços para finalizações do adversário.

O preço de nove jogos em 22 dias foi cobrado e Pepê, Bernardo e Bill sentiram dificuldades físicas, sendo substituídos por Patrick, Aderlan e Yuri no decorrer da segunda etapa.

A concentração rubro-negra foi primordial para manter o placar e, no apito final, a trajetória de muita garra chegou ao ápice com a comemoração merecida da Maior Torcida do Mundo. A base vem tetra.

O título de 2018 se soma às conquistas de 1990, 2011 e 2016

 

Foto: Staff Images/Flamengo

Segundo a sentença, a ex-presidente "permaneceu clandestinamente dando ordens na Federação o que facilitou sua atuação criminosa".

O juiz da 7ª Vara Criminal de João Pessoa, Geraldo Emílio Porto, condenou a ex-presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF) a cinco anos de reclusão, em regime semiaberto, e 50 dias-multa, por crime contra o patrimônio - furto duplamente qualificado. Ela é acusada de ter determinado a outro denunciado no processo a subtração de materiais esportivos pertencentes à Federação Paraibana de Futebol, enviados pela CBF. 

De acordo com a sentença do magistrado assinada no último dia 11 de janeiro, os réus terão o direito de recorrer da decisão em liberdade. 

A denúncia foi feita pelo Ministério Público, após inquérito policial, datado de 2015, contra Antônio Alves Gonçalves, Kleber Fábio Pereira de Lima, Genildo Januário e Rosilene Gomes.  

Segundo a sentença, a ex-presidente "permaneceu clandestinamente dando ordens na Federação o que facilitou sua atuação criminosa". Além disso, afirma a sentença: "No que pertine aos motivos dos crimes, injustificáveis, pois a ré agiu motivada pela ganância e pelo lucro fácil, uma vez que comercializava materiais desportivos na Capital paraibana", diz o magistrado. 

 
 
Fonte: Clickpb.

Clube carioca passou pela Portuguesa, nas semifinais, por 3 a 2, com grande atuação de Vitor Gabriel, autor de dois gols. Camisa 10 ainda levou amarelo e desfalca na decisão

 
Com a classificação para a final confirmada, o Flamengo fará sua terceira final nos últimos oitos anos. Em 2011 foi campeão, diante do Bahia, e em 2016 sobre o Corinthians. Na história, o clube carioca chegou em três finais - a outra em 1990, com título em cima do Juventus (SP)
 
 
Para chegar à grande decisão, o Flamengo saiu perdendo com o gol de Davi, logo no início da partida, no Canindé. Mesmo ao lado da torcida, a Lusa foi dominada na maior parte do jogo e foi quando começou o show de Vitor Gabriel na capital paulista. Ele marcou o primeiro gol, deu passe para Luiz Henrique no segundo e ainda ampliou a vantagem.
 
 
No final da partida, a Portuguesa ainda descontou e começou a pressionar em busca do empate, que não aconteceu. A Lusa chegou em três finais, com duas conquistas , sendo a última em 2002, e um vice-campeonato.
 
Craque da partida, Vitor Gabriel está suspenso, porque levou amarelo ao provocar a torcida da Lusa quando fez o segundo gol e está fora da decisão. Wendel deve ser o titular no confronto diante de Internacional ou São Paulo, que duelam esta noite na outra semifinal.
 
Portal terra / Lance
 

 

Pagina 3 de 26
JR Esquadrias