Quinta, 24 Maio 2018 22:48

José Aldo vence no UFC 200, conquista o cinturão e desafia a Conor McGregor Destaque

Escrito por  POSTADO ATUAL
Avalie este item
(0 votos)

José Aldo ficou 10 anos invicto e teve sua invencibilidade retirada pelo citado. Agora, campeão interino, é uma questão de tempo para uma revanche pela unificação ou luta pelo título linear.

Na noite do ultimo sábado José Aldo Júnior enfrentou o ex-campeão peso leve Frankie Edgar no card principal do Ultimate Fighting Championship.

No duelo valendo o cinturão interino  peso-pena devido a inatividade do campeão linear Conor MCGregor que dedicou-se a lutas na divisão dos leves, vimos uma luta muito dura, parelha e técnica com José Aldo mostrando uma grande inteligência tática e ouvindo seu córner, com Marlon Sandro e Dedé Pederneiras gritando e o guiando como nunca antes.
 

Aldo aparentemente reconquistou sua confiança e evitava chutar com o receio de ser derrubado e fugir de sua tática. Usando muito bem dos golpes retos, magoou Edgar com combinações de jab e direto e contragolpeava com cruzados, ora aplicando também joelhadas que chegaram a balançar o adversário no segundo e terceiro assalto.

 

Com domínio do octógono e fazendo com que Edgar não o encontrasse em seu território de maneira simples, aparentou um ótimo preparo físico para cinco rounds de grande movimentação, conquistando de maneira unânime a vitória na visão dos três árbitros laterais.

“Eu estou muito feliz. Eu estou aqui pelo meu técnico, eu amo o meu técnico, eu luto por ele.”, iniciou Aldo arriscando o inglês. “O Frankie é um grande adversário, tem um wrestling muito bom. Eu só tenho um objetivo, ganhar o cinturão (linear) novamente e vencer aquele merda (Conor McGregor). Ele não vai ter a mesma sorte da última vez “, disse José Aldo no octógono enquanto gesticulava olhando para onde McGregor se encontrava sentado na arquibancada.

José Aldo ficou 10 anos invicto e teve sua invencibilidade retirada pelo citado. Agora, campeão interino, é uma questão de tempo para uma revanche pela unificação ou luta pelo título linear.

 

Foto: Reprodução/mmaspace

Ler 23 vezes
JR Esquadrias