Segunda, 14 Maio 2018 00:50

O Flamengo leva gol da Chapecoense no fim e perde invencibilidade no Brasileirão Destaque

Escrito por  POSTADO ATUAL
Avalie este item
(0 votos)
Imagem da Internet Imagem da Internet
O Flamengo foi a campo com uma equipe mista e inédita.
 
A decisão de poupar jogadores para enfrentar o Emelec, na próxima quarta-feira, pela Libertadores, teve um preço. E não foi nada barato, pelo menos no Campeonato Brasileiro. Contra uma limitada Chapecoense, o Flamengo demorou demais para fazer jus à sua superioridade técnica. Quando decidiu buscar a vitória, sofreu um gol aos 45 minutos e acabou derrotado por 3 a 2.
 
O resultado não tirou a liderança da equipe treinada por Maurício Barbieri. Com os mesmos 10 pontos do começo da rodada, viu Corinthians e Atlético Mineiro encostarem com a mesma pontuação, mas ainda atrás do time rubro-negro nos critérios de desempate.
 
Sabíamos que seria um jogo difícil, mas estamos infelizes com o resultado — comentou o atacante Paolo Guerrero. — Fomos superiores nessa partida, mas demos mole e não vencemos. Teremos um jogo importante na quarta-feira que precisamos vencer.
 
O peruano marcou o primeiro gol do Flamengo, de cabeça, beneficiado por uma falha de Jandrei, goleiro da Chapecoense, no começo do segundo tempo. Na primeira etapa, a Chape abriu o placar com Canteros, ex-jogador rubro-negro que não comemorou em respeito ao clube com quem tem contrato até o fim do próximo mês.
 
O atacante Guerrero lutou muito e mostrou evolução na parte física, depois do longo tempo inativo por causa da suspensão por doping sofrida ano passado. Nesta semana, será julgado o recurso do caso na Corte Arbitral do Esporte e o atacante saberá, finalmente, se poderá disputar a Copa do Mundo com o Peru.
 
"Estou confiante porque sou inocente e confio na Justiça, não podem impedir de jogar alguém que não fez nada de errado" afirmou.
 
Quem não pode dizer o mesmo é o árbitro Leandro Vuaden. Desde o começo com atuação confusa, ele errou ao marcar pênalti a favor da Chapecoense. Foi com ele que o time fez 2 a 1 no placar, com bela cobrança de Guilherme, ex-Botafogo. Até então burocrático, o Flamengo resolveu jogar e conseguiu o empate com Vinícius Júnior. Quando mais pressionava, viu Leandro Pereira aproveitar um contra-ataque e marcar o terceiro da Chapecoense: 3 a 2 logo em seguida o árbitro deu por encerrado a partida. 
 
 
FICHA TÉCNICA

 

CHAPECOENSE-SC 3 X 2 FLAMENGO-RJ

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Data: 13 de maio de 2018 (Domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e José Eduardo Calza (RS)

Cartões Amarelos: Rafael Thyere, Douglas (Chape); Marlos, Léo Duarte, Jonas (Fla)
Gols:
CHAPECOENSE: Canteros, aos 22min do 1º tempo; Guilherme, aos 23, Leandro Pereira aos 45 min do 2º tempo
FLAMENGO: Paolo Guerrero, aos 3 min do 2º tempo; Vinícius J., aos 33 min do 2º tempo

CHAPECOENSE: Jandrei, Apodi (Bruno Silva), Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Amaral, Márcio Araújo e Canteros (Neném); Guilherme (Eduardo), Leandro Pereira e Arthur
Técnico: Gilson Kleina

FLAMENGO: César, Pará (Henrique Dourado), Juan, Léo Duarte e Trauco; Jonas, Jean Lucas (Vinicius Junior) e Diego; Rodinei, Paolo Guerrero e Marlos (Cuellar)
Técnico: Maurício Barbieri

 

Fonte: Da Internet

 

 

Ler 79 vezes
JR Esquadrias