Saúde (68)

Se para muitas mulheres a obsessão é ter o bumbum turbinado, para muitos homens o sonho é amplificar o "dote".

De olho nisso, o médico Norman Rowe, mais conhecido como "Doutor Pênis", desenvolveu um método com aplicação de ácido hialurônico que, garante ele, aumenta o órgão genital masculino em 5 centímetros.

O turbinamento peniano dura dois anos e custa o equivalente a R$ 95 mil. Depois desse período, é necessário aplicar novamente a substância para o preenchimento.

"Não é mais um estigma procurar cirurgia plástica. Não há nada errado com homens que querem ter a aparência com a qual possam se sentir o melhor possível", disse o médico ao "NY Post".

Rowe diz que a substância injetada tem aprovação do FDA, órgão governamental que regula medicamentos.

 

Por: Fernando Moreira/ Extra

 

 

Vida sexual ativa pode trazer uma série de benefícios para a saúde

Uma vida sexual ativa pode trazer uma série de benefícios para a saúde de homens e mulheres. Além do prazer em geral, estudos associaram o sexo (e até a masturbação) a um melhor funcionamento da saúde em geral.

Ficou interessado? Então, veja abaixo alguns alguns dos benefícios das relações sexuais elencados pelo site especializado Medical Daily.

1.  Redução do nível de stress

O sexo é uma atividade naturalmente prazerosa que pode impulsionar o humor e regular a ansiedade, reduzindo os sinais de stress. A liberação de dopamina e endorfina no cérebro durante a atividade sexual aumenta o prazer e a sensação de bem-estar.

2. Prevenção de problemas cardíacos

Quando em excesso, a homocisteína – aminoácido relacionado ao surgimento de doenças cardiovasculares – pode aumentar o risco de coágulos sanguíneos e ataques cardíacos. Felizmente, pesquisas sugerem que o sexo pode ajudar a prevenir o acúmulo de homocisteína, melhorando o fluxo sanguíneo e a circulação no corpo. A má notícia é que esse benefício só foi encontrado em homens.

3. Menor risco de câncer de próstata

Outra vantagem para os homens vinda do sexo e da masturbação é a redução no risco de câncer de próstata. Embora os cientistas ainda não tenham conseguido estabelecer uma associação causal, acredita-se que a ejaculação ajude a eliminar substâncias químicas nocivas à saúde do órgão.

4. Qualidade do sono

Sono e sexo parecem ter efeitos equivalentes já que uma boa relação sexual significa um sono melhor e vice-versa. Depois de experimentar um orgasmo, o corpo libera prolactina, hormônio que ajuda a relaxar e cujos níveis podem ser 400% maiores do que após a masturbação, por exemplo.

5. Antienvelhecimento

Segundo David Weeks, ex-chefe de psicologia do Hospital Real de Edimburgo, no Reino Unido, a satisfação sexual é um dos principais contribuintes para uma boa qualidade de vida. Pessoas com uma vida sexual ativa tendem a parecer alguns anos mais jovens do que realmente são.

‘efeito rejuvenescedor‘ deve-se à secreção do hormônio do crescimento humano (HGH) e de endorfinas durante o sexo, que ajudam a prevenir rugas e flacidez.

6. Cérebro em melhor forma

Pesquisas descobriram que pessoas que fazem sexo regularmente podem ter uma função cognitiva melhorada, especialmente à medida que envelhecem. Um estudo da Universidade de Oxford, no Reino Unido, sugeriu que relações sexuais frequentes estavam associadas a uma melhor memória de trabalho, fluência e função executiva.

Esse efeito pode estar associado à redução de processos inflamatórios e crescimento de novas células cerebrais.

 

Fonte : Veja

 

Cáries, traumas ou posicionamento incorreto dos dentes. Estes são alguns dos problemas que motivam a extração dentária. Apesar de ser um procedimento simples, existem certas dúvidas sobre os cuidados que devem ser tomados durante o período pós-operatório. Pensando nisso, Taís Cristina da Rosa, CRO-PB 4533, cirurgiã dentista e proprietária da Odontogalerie, em João Pessoa, listou algumas recomendações.  Confira:

 

Tabaco e bebidas alcoólicas

A profissional explica que tão importante como o transcorrer da cirurgia, o pós-cirúrgico deve ser seguido à risca para não haver complicações. “Para os fumantes, por exemplo, deve-se evitar, a qualquer custo, o uso de tabaco antes e após o procedimento para obter uma cicatrização favorável, uma vez que o cigarro dificulta e tarda a recuperação da região”, indica. A mesma proibição vale para bebidas alcóolicas.

Repouso

Segundo Taís, após a extração de um dente, é imprescindível repousar e evitar calor do sol e forno/fogão por alguns dias para não estimular a circulação sanguínea no local operado e, consequentemente, acarretar problemas como sangramento e infecções.

 

Compressa com gelo

A compressa com gelo ou bolsa térmica gelada nas primeiras 24 horas também é muito importante para evitar ou diminuir o inchaço provenientes da extração. “A baixa temperatura, provocada pela aplicação do gelo, auxilia na contração dos vasos sanguíneos, que estão dilatados devido ao processo inflamatório causado pela cirurgia”, explica.

Alimentação

Sobre a alimentação, a dentista destaca que é preciso evitar opções quentes por, pelo menos, 24 horas, pois a região estará sensível e pode voltar a sangrar. Também consuma alimentos mais líquidos e pastosos. “Portanto, dê preferência para alimentos frios como sorvetes de massa, picolé, sucos, açaí e leite. No dia seguinte, já é permitido o consumo alimentos mornos e macios, como purês, ovo cozido e macarrão, por exemplo. O paciente deve tomar água à vontade e deve evitar fazer movimentos de sucção. A saída é sempre utilizar um copo ou colher”, orienta.

 

Higienização e cuidados gerais

A higienização da área operada tem que ser feita na frente do espelho, utilizando uma escova de dente com cerdas macias e com quantidade reduzida de creme dental, para que se forme pouca espuma. Além disso, não se deve bochechar vigorosamente nos quatro primeiros dias”, afirma Taís.

Por fim, ela pontua que a prescrição medicamentosa e os horários das medicações devem ser respeitados. Em caso de dor forte ou febre, é necessário entrar em contato com o cirurgião-dentista o mais rápido possível.


Para saber mais sobre a clínica, o público pode acessar o site: www.odontogalerie.com.br. A Odonto Galerie fica na Avenida Monteiro da Franca, 424 – Manaíra. O Instagram é @odontogalerie

O médico obstetra/ginecologista Roberto Magliano de Morais foi eleito nesta terça-feira, 7, com 88% dos 3.980 votos dos eleitores médicos, para presidir o Conselho Regional de Medicna da Paraíba (CRM/PB) e terá como vice o médico campinense Antonio Henriques.

Eles formaram a chapa única "Juntos pelo CRM que queremos Fortes" e tiveram apenas 6% de nulos e 6% de votos em branco, contando com a maioria esmagadora dos médicos votantes.

O novo presidentte do Coselho anunciou a  expansão do CRM para os municípios de Patos e Cajazeiras. e lembrou da renovaçãoda chapa, com cerca de 60% de novos integrantes e adiantou que realizará uma séria de ações visando aproximar ainda mais os jovens médicos e acadêmicos, nas faculdades para tratar de Ética e valores humanistas na área da saúde na Paraíba.

Roberto Magliano de Morais tem no currículo a presidência da Sociedade de Ginecologia e Obstetrícia da Paraíba, diretor do Conselho Regional de Medicina e membro do Comissão Nacional de Ginecologia e Obstetrícia do Conselho Federal de Medicina

Por Assessoria
Com uma história que se confunde com a da própria Saúde em João Pessoa, o Hospital Memorial São Francisco, comandado pelo experiente médico cardiologista, Italo Kumamoto, inaugurou no último dia 20 uma nova UTI com 10 leitos, tanto no salão geral como nos apartamentos de UTI. O serviço conta com equipamentos de alta tecnologia, que permitem monitoramento amplo dos sinais vitais e grande diferencial é a humanização da terapia intensiva e a cobertura médica multidisciplinar.

Pensando no bem estar dos pacientes, a equipe do Serviço de Medicina Intensiva conta com médicos, enfermeiros, nutricionistas, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, farmacêuticos e psicólogos especializados em Terapia Intensiva.

O novo espaço permite ao Memorial oferecer quartos individualizados e confortáveis. Nesses quartos, os cardiopatas de alta complexidade internados poderão ficar acompanhados em tempo integral e não haverá limitação para horário de visita.

O médico Ítalo Kumamoto é ex-presidente da Associação Paraibana de Hospitais, coordenador das atividades sociais do Instituto Felipe Kumamoto, membro da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Colégio Americano de Cardiologia e Sociedade Europeia de Cardiologia.

 

O boletim ainda revela um aumento de 36,29% das notificações dos casos                                                                                                                                suspeitos de zika, com 184 registros no período contra 135 casos no                                                                                                                                    mesmo período do ano passado.

No período de 1º de janeiro a 14 de junho (24ª semana epidemiológica), foram notificados 6.914 casos suspeitos de dengue, um aumento de 216,14% comparado com o ano anterior, quando foram registrados 2.187 casos, de acordo com o Boletim Epidemiológico relacionado às arboviroses, divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) nesta quinta-feira (28).

O boletim ainda revela um aumento de 36,29% das notificações dos casos suspeitos de zika, com 184 registros no período contra 135 casos no mesmo período do ano passado. Por sua vez, a chikungunya, foi a única que apresentou redução nas notificações. Em 2018, foram notificados 588 casos e em 2017, 938 casos suspeitos. Uma redução de 37,31%.

Até a 24ª Semana Epidemiológica de 2018, foram registrados 27 óbitos suspeitos de causa de arboviroses, sendo cinco confirmados para dengue (um de Campina Grande, dois de Juazeirinho e dois de Coremas); dois confirmados para chikungunya (Pedras de Fogo e Juazerinho) e dois confirmados para zika (Campina Grande e Queimadas). 12 casos estão em investigação e seis foram descartados.

Entre as ações programadas pela SES de combate ao mosquito Aedes Aegypti, estão o 3º Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa), que ocorrerá no período de 2 a 6 de julho; o monitoramento e acompanhamento da situação epidemiológica e ambiental pelas áreas técnicas; mobilização e distribuição de material educativo referente às arboviroses; apoio técnico “in loco” conforme situação epidemiológica e ambiental dos municípios; intervenção com aplicação do UBV Pesado (carro fumacê), respeitando os critérios Epi-entomológicos estabelecidos na Nota Técnica Nº 01 de 2018.

O texto informa ainda que no período de 1º de janeiro a 30 de maio de 2018, foram realizadas 2.645.487 visitas domiciliares, nos 223 municípios paraibanos, enquanto nos meses de maio a junho de 2018, foram realizadas diversas ações de combate ao mosquito.

Entre elas, participação nas videoconferências mensais junto a Sala Nacional de Combate do Aedes aegypti no controle das arboviroses e bloqueios de transmissão com aplicação de carro fumacê nas cidades de Malta, Aparecida, São Francisco, Sossego, Assunção, Aroeiras, Lastro, Baraúna, Caturité, Fagundes, Campina Grande, Santa Cecília, Santa Inês, Marizópolis, Cuité, Araruna, Barra de Santa Rosa, Uiraúna e São Domingos de Pombal.

 

Fonte: Da internet

O resultado do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, realizado a cada três meses, começa a valer nesta sexta-feira (8), e cerca de 115,9 mil beneficiários ficam protegidos.

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determinou a suspensão temporária da comercialização de 31 planos de saúde de 12 operadoras em função de reclamações relacionadas a cobertura assistencial.

A medida é resultado do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, realizado a cada três meses, e começa a valer na sexta-feira (8). Cerca de 115,9 mil beneficiários ficam protegidos - eles continuam a ter assistência regular a que têm direito, mas as operadoras só poderão voltar a vender esses planos para novos contratantes se comprovarem melhoria no atendimento.



O Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento avalia as operadoras a partir das reclamações registradas pelos beneficiários nos canais da ANS. Nesse ciclo, foram consideradas as demandas (como negativas de cobertura e demora no atendimento) recebidas no 1º trimestre de 2018.

A diretora de Normas e Habilitação dos Produtos da ANS, Karla Coelho, explica que o objetivo do monitoramento é estimular as operadoras a qualificarem o atendimento prestado aos consumidores. "Apesar de alguns casos reiterados, percebemos que, em geral, as operadoras têm se esforçado para se manter nas melhores faixas de classificação. Isso mostra que o programa tem atingido seu objetivo, já que o monitoramento da garantia de atendimento é um mecanismo que visa dar uma oportunidade para que as empresas revejam seus fluxos de atendimento e o próprio fluxo operacional", avalia a diretora.

Reclamações

Entre janeiro e março de 2018, a ANS recebeu 15.655 reclamações de natureza assistencial através de seus canais de atendimento. Dessas, 13.999 foram consideradas para análise pelo Programa de Monitoramento.

No período, 97% das queixas foram resolvidas pela mediação feita pela ANS via Notificação de Intermediação Preliminar (NIP), garantindo resposta ao problema desses consumidores com agilidade - InfoMoney.

 

Veja a lista de planos com comercialização suspensa:

 

* Good Life Saude LTDA

* Good Prata

* Good 7000

* Unimed Norte/Nordeste

* Coletivo Empresarial - Referência

* Coletivo por adesão

* Empresarial PP Especial

* Coletivo por adesão enfermaria

* Coletivo por adesão Apart

* Coletivo por adesão plus - Unne

* Coletivo por adesão básico - Unne

* AMI - Assistência Médica Infantil LTDA

* Ouro I - Enfermaria

* Flex I - Enfermaria

* Master I - Enfermaria

* Associação Auxiliadora das Classes Laboriosas

* Prime

* PAME - Associação de Assistência Plena em Saúde

* Safira 207

* Safira 210 DF

* Rubi 210 DF

* Gamec - Grupo de Assistência Médica Empresarial do Ceará LTDA

* Plano Starndard VIP

* Premium Enfermaria Individual/Familiar

* Referência Coletivo por Adesão 

* Premium Enfermaria Empresarial

* Ameno Assistência Médica S/S LTDA

* Plano Regional Global

* otus Operadora de Planos Odontológicos LTDA

* Selo Dental

* Caixa Seguradora Especializada em Saúde S/A

* Saúde Vital-Co PAR

* Pronto P121

* Quallity Saúde Assistência Médica Ambulatorial LTDA

* Prosaude Gold

* Associação Santa Casa Saúde de Sorocaba

* Santa Casa Saúde-C/Franquia-Mod.Especial-RG

* Santa Casa Saúde-C/Franquia-Mod.Especial-RI

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Master-RJ

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Especial-RR

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Especial-RS

* Green Life Plus Planos Médicos LTDA - EPP 

* Prata 300

 

Fonte: Portal Carlos Magno

 

O resultado do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, realizado a cada três meses, começa a valer nesta sexta-feira (8), e cerca de 115,9 mil beneficiários ficam protegidos.

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determinou a suspensão temporária da comercialização de 31 planos de saúde de 12 operadoras em função de reclamações relacionadas a cobertura assistencial.

A medida é resultado do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, realizado a cada três meses, e começa a valer na sexta-feira (8). Cerca de 115,9 mil beneficiários ficam protegidos - eles continuam a ter assistência regular a que têm direito, mas as operadoras só poderão voltar a vender esses planos para novos contratantes se comprovarem melhoria no atendimento.



O Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento avalia as operadoras a partir das reclamações registradas pelos beneficiários nos canais da ANS. Nesse ciclo, foram consideradas as demandas (como negativas de cobertura e demora no atendimento) recebidas no 1º trimestre de 2018.

A diretora de Normas e Habilitação dos Produtos da ANS, Karla Coelho, explica que o objetivo do monitoramento é estimular as operadoras a qualificarem o atendimento prestado aos consumidores. "Apesar de alguns casos reiterados, percebemos que, em geral, as operadoras têm se esforçado para se manter nas melhores faixas de classificação. Isso mostra que o programa tem atingido seu objetivo, já que o monitoramento da garantia de atendimento é um mecanismo que visa dar uma oportunidade para que as empresas revejam seus fluxos de atendimento e o próprio fluxo operacional", avalia a diretora.

Reclamações

Entre janeiro e março de 2018, a ANS recebeu 15.655 reclamações de natureza assistencial através de seus canais de atendimento. Dessas, 13.999 foram consideradas para análise pelo Programa de Monitoramento.

No período, 97% das queixas foram resolvidas pela mediação feita pela ANS via Notificação de Intermediação Preliminar (NIP), garantindo resposta ao problema desses consumidores com agilidade - InfoMoney.

 

Veja a lista de planos com comercialização suspensa:

 

* Good Life Saude LTDA

* Good Prata

* Good 7000

* Unimed Norte/Nordeste

* Coletivo Empresarial - Referência

* Coletivo por adesão

* Empresarial PP Especial

* Coletivo por adesão enfermaria

* Coletivo por adesão Apart

* Coletivo por adesão plus - Unne

* Coletivo por adesão básico - Unne

* AMI - Assistência Médica Infantil LTDA

* Ouro I - Enfermaria

* Flex I - Enfermaria

* Master I - Enfermaria

* Associação Auxiliadora das Classes Laboriosas

* Prime

* PAME - Associação de Assistência Plena em Saúde

* Safira 207

* Safira 210 DF

* Rubi 210 DF

* Gamec - Grupo de Assistência Médica Empresarial do Ceará LTDA

* Plano Starndard VIP

* Premium Enfermaria Individual/Familiar

* Referência Coletivo por Adesão 

* Premium Enfermaria Empresarial

* Ameno Assistência Médica S/S LTDA

* Plano Regional Global

* otus Operadora de Planos Odontológicos LTDA

* Selo Dental

* Caixa Seguradora Especializada em Saúde S/A

* Saúde Vital-Co PAR

* Pronto P121

* Quallity Saúde Assistência Médica Ambulatorial LTDA

* Prosaude Gold

* Associação Santa Casa Saúde de Sorocaba

* Santa Casa Saúde-C/Franquia-Mod.Especial-RG

* Santa Casa Saúde-C/Franquia-Mod.Especial-RI

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Master-RJ

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Especial-RR

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Especial-RS

* Green Life Plus Planos Médicos LTDA - EPP 

* Prata 300

 

Fonte: Portal Carlos Magno

 

O resultado do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, realizado a cada três meses, começa a valer nesta sexta-feira (8), e cerca de 115,9 mil beneficiários ficam protegidos.

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determinou a suspensão temporária da comercialização de 31 planos de saúde de 12 operadoras em função de reclamações relacionadas a cobertura assistencial.

A medida é resultado do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, realizado a cada três meses, e começa a valer na sexta-feira (8). Cerca de 115,9 mil beneficiários ficam protegidos - eles continuam a ter assistência regular a que têm direito, mas as operadoras só poderão voltar a vender esses planos para novos contratantes se comprovarem melhoria no atendimento.



O Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento avalia as operadoras a partir das reclamações registradas pelos beneficiários nos canais da ANS. Nesse ciclo, foram consideradas as demandas (como negativas de cobertura e demora no atendimento) recebidas no 1º trimestre de 2018.

A diretora de Normas e Habilitação dos Produtos da ANS, Karla Coelho, explica que o objetivo do monitoramento é estimular as operadoras a qualificarem o atendimento prestado aos consumidores. "Apesar de alguns casos reiterados, percebemos que, em geral, as operadoras têm se esforçado para se manter nas melhores faixas de classificação. Isso mostra que o programa tem atingido seu objetivo, já que o monitoramento da garantia de atendimento é um mecanismo que visa dar uma oportunidade para que as empresas revejam seus fluxos de atendimento e o próprio fluxo operacional", avalia a diretora.

Reclamações

Entre janeiro e março de 2018, a ANS recebeu 15.655 reclamações de natureza assistencial através de seus canais de atendimento. Dessas, 13.999 foram consideradas para análise pelo Programa de Monitoramento.

No período, 97% das queixas foram resolvidas pela mediação feita pela ANS via Notificação de Intermediação Preliminar (NIP), garantindo resposta ao problema desses consumidores com agilidade - InfoMoney.

 

Veja a lista de planos com comercialização suspensa:

 

* Good Life Saude LTDA

* Good Prata

* Good 7000

* Unimed Norte/Nordeste

* Coletivo Empresarial - Referência

* Coletivo por adesão

* Empresarial PP Especial

* Coletivo por adesão enfermaria

* Coletivo por adesão Apart

* Coletivo por adesão plus - Unne

* Coletivo por adesão básico - Unne

* AMI - Assistência Médica Infantil LTDA

* Ouro I - Enfermaria

* Flex I - Enfermaria

* Master I - Enfermaria

* Associação Auxiliadora das Classes Laboriosas

* Prime

* PAME - Associação de Assistência Plena em Saúde

* Safira 207

* Safira 210 DF

* Rubi 210 DF

* Gamec - Grupo de Assistência Médica Empresarial do Ceará LTDA

* Plano Starndard VIP

* Premium Enfermaria Individual/Familiar

* Referência Coletivo por Adesão 

* Premium Enfermaria Empresarial

* Ameno Assistência Médica S/S LTDA

* Plano Regional Global

* otus Operadora de Planos Odontológicos LTDA

* Selo Dental

* Caixa Seguradora Especializada em Saúde S/A

* Saúde Vital-Co PAR

* Pronto P121

* Quallity Saúde Assistência Médica Ambulatorial LTDA

* Prosaude Gold

* Associação Santa Casa Saúde de Sorocaba

* Santa Casa Saúde-C/Franquia-Mod.Especial-RG

* Santa Casa Saúde-C/Franquia-Mod.Especial-RI

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Master-RJ

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Especial-RR

* Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Especial-RS

* Green Life Plus Planos Médicos LTDA - EPP 

* Prata 300

 

Fonte: Portal Carlos Magno

 

Garoto vive no Estado americano do Alabama; ele recobrou a consciência pouco depois de seus pais assinarem a papelada para doação seus órgãos.

                                                                                                                                                     Um menino de 13 anos que estava em coma no Estado do Alabama (EUA) recobrou a consciência pouco depois de seus pais assinarem a papelada autorizando o desligamento dos aparelhos e a doação de seus órgãos.
 
Trenton McKinley sofreu danos cerebrais graves após um acidente com um reboque de automóvel, em março deste ano, na cidade de Mobile. Ele sofreu várias fraturas no crânio.
 
No hospital, médicos disseram aos pais do menino que ele nunca se recuperaria, e que Trenton era compatível com cinco outras crianças que precisavam de transplantes.
 
Um dia antes da data marcada para o desligamento dos aparelhos, Trenton começou a dar sinais de consciência.
 
A mãe do menino, Jennifer Reindl, disse que seu filho já passou por várias cirurgias cranianas - além de ter sofrido falência dos rins e uma parada cardíaca.
 
O garoto chegou a passar 15 minutos sem sinais vitais na mesa de cirurgia durante as tentativas médicas para salvá-lo, afirmou a mãe. Os médicos disseram que ele "nunca seria normal de novo".
 
À rede de TV americana CBS , Reindl disse que ela concordou em autorizar a doação de órgãos depois de saber que a atitude poderia salvar as vidas de outras cinco crianças.
 
 
Depois que nós concordamos com a doação, eles tiveram que manter o Trenton vivo para 'limpar' seus órgãos para doação", disse Reindl, descrevendo como o filho recobrou a consciência em março.
 
"No dia seguinte, estava marcado o último teste de atividade cerebral para determinar o desligamento dos aparelhos. Mas os sinais vitais tiveram um pico, então, eles cancelaram o teste", conta a mãe.
 
 A última lembrança é a da pequena carreta de reboque caindo sobre sua cabeça, contou Trenton
 
"Eu bati no concreto (do chão), e o reboque caiu bem em cima da minha cabeça. Depois disso, eu não lembro de mais nada", disse o menino a uma emissora de TV.
 
O garoto já voltou a andar e a falar, e até mesmo a fazer exercícios de matemática, mas ainda tem dores nevrálgicas e convulsões. Ele precisará de mais cirurgias para recuperar seu crânio. Apesar disso, a mãe diz que a recuperação é "um milagre".
 
O próprio Trentou disse, numa entrevista, que pensou estar no céu enquanto estava inconsciente.
 
"Era como se eu estivesse caminhando num campo aberto", disse o menino.
 
"Não há outra explicação a não ser Deus", acrescentou ele.
 
A família iniciou uma campanha de arrecadação de fundos no Facebook para ajudar nos custos médicos. Até agora, 240 pessoas já doaram e US$ 12,7 mil foram arrecadados, três vezes mais que os US$ 4 mil pretendidos.
 
 
 
Fonte: BBC BRASIL/portal Terra
 

 

Pagina 1 de 5
JR Esquadrias