Cidades (93)

Um casal capixaba foi indenizado em R$ 20 mil após voos dos Estados Unidos serem cancelados. A viagem de volta conseguiu frustrar todas as expectativas do casal que é deColatina

A previsão de um dia de viagem se desdobrou em três, após sucessivos cancelamentos do voo contratado. As falhas na prestação do serviço levaram a companhia aérea a ser condenada a indenizar o casal por danos morais em R$ 10 mil por pessoa.

De acordo com o casal, o voo que viria de Orlando para Vitória, com conexão no Rio de Janeiro, teria sido cancelado às vésperas da viagem. Ao se apresentarem para embarque no dia seguinte, eles teriam se deparado novamente com outro cancelamento, porém, desta vez, após horas de espera em pé, e sem local adequado para a requerente, que se encontrava grávida na ocasião. Ao final da tarde, marido e a mulher foram transladados, com muito desconforto, para um hotel em uma minivan lotada de passageiros e completamente tomada pelas bagagens.

Uma vez no hotel, os problemas teriam continuado: o voucher de alimentação não era suficiente para cobrir os valores praticados no estabelecimento, o que obrigou o casal a arcar parcialmente com os gastos de alimentação.

Após 24 horas da primeira apresentação para check-in, o casal finalmente embarcava para o Rio de Janeiro, onde realizariam a conexão para Vitória. Porém, ao contrário do casal, suas malas foram despachadas para São Paulo, obrigando o marido e a mulher aguardarem mais 5 horas pela bagagem extraviada.

Por conta de todos os problemas enfrentados, o casal só teria chegado em casa, em Colatina, no dia seguinte, 3 dias após o planejado, vindo por isso a requerer indenização por danos morais. Em uma sessão de conciliação, a companhia aérea ofereceu R$ 2,5 mil para cada um dos autores, que contrapuseram o valor de R$ 8 mil, sem que houvesse acordo entre as partes.

Em sua decisão, o juiz do 3º Juizado Especial Cível de Colatina afirma que as provas são robustas e atestam o depoimento dos requerentes, com vasta documentação, deixando clara a falha na prestação do serviço. Concluiu o magistrado: “Quaisquer dessas ocorrências, a demora excessiva na concretização do embarque, a adoção de medidas compensatórias insuficientes, o atraso na entrega da bagagem, isoladamente, já se poderiam cogitar como causas de dano moral. A sua cumulação em um mesmo contexto fático tornam o seu diagnóstico induvidoso!”. 

 

Inaugurada, no ultimo dia 12 de junho "dia  dos Namorados" , pelo prefeito da cidade de João Pessoa Luciano Cartaxo (PSD) como a obra do século da capital paraibana, a revitalização do Parque Solon de Lucena (Lagoa) continua gerando muita polêmica. Não bastasse as denuncia de superfaturamento por parte dos vereadores da oposição, a obra não para de apresentar problemas. 

 Com  as chuvas que cairam no inicio do mês o túnel da Lagoa rompeu proximo ao comando da policia militar, pela terceira vez, causando   bastantes transtornos e pondo em risco a vida de motoristas e pedestres, depois de inaugurada muitas foram as reclamações devido à discrepância entre o projeto original apresentado em maquetes e o que foi entregue, agora, nove dias após a entrega dos equipamentos, a pintura da pista de ciclismo literalmente “descascou-se” e  rachaduras em outros locais o que comprova o utilização de produtos de péssima qualidade, não correspondendo ao valor  gasto da obra que  segundo a imprensa  pessoense  chegou  a 10 Milhões.

 

Fonte: politicanaparaiba

 

Mesmo diante das suspeitas e investigações, o prefeito Luciano Cartaxo anunciou na noite do último  domingo a inauguração da obra para o próximo dia 12. A data é dedicada aos namorados, que certamente não acharão o clima muito romântico para entrega da tão propalada reforma da Lagoa.

Mesmo com a data da  reabertura anunciada, o Ministério Público Federal e Polícia Federal continuam investigando denúncia de desvio de R$ 10 milhões da reforma e ampliação da Lagoa, do Parque Solon de Lucena, em João Pessoa. O suposto “rombo” foi descoberto pela Controladoria Geral da União e apontado em relatório entregue ao prefeito Luciano Cartaxo (PSD) e ao governo federal, responsável pelo repasse da quase totalidade dos R$ 37 milhões investidos na obra.

Além da apurar o destino da vultosa soma, MPF e PF buscam também uma explicação para o “desaparecimento” de 200 mil toneladas de lixo que a própria Prefeitura de João Pessoa garante ter retirado do local. Vereadores de oposição tentaram criar uma CPI na Câmara Municipal para reforçar as investigações, mas foram barrados por decisão judicial. Eles agora estudam a possibilidade de um novo pedido para instalação da Comissão parlamentar de Inquérito.

“Diante de denúncias tão graves apontadas por um órgão de alta confiabilidade, que é a CGU, a Câmara Municipal não pode fechar os olhos e fazer de conta que nada está acontecendo. Afinal de contas, os R$ 10 milhões desviados são recursos públicos, do contribuinte. Por isso, a instalação da CPI é imprescindível”, avaliou o vereador Raoni Mendes (DEM).

 Fonte do Blog 

 

 

A revista de bordo da Azul Linhas Aéreas Brasileiras de maio - Azul Magazine - publica uma reportagem especial de cinco páginas enaltecendo as festas juninas no Nordeste. Assinada pela jornalista Rosa Jorge, o texto aponta que, “com estruturas turísticas potentes e shows populares, as festas juninas no Nordeste viraram megaeventos que misturam tradição e entretenimento para multidões”.

Na reportagem “Gigantes de São João”, Rosa Jorge faz alusão à disputa histórica entre Campina Grande e Caruaru para ver quem promove o melhor festejo junino do Brasil. A reportagem sugere, inclusive, que a disputa pode ser comparada a um FlaFlu, um dos principais e tradicionais clássicos do futebol brasileiro.

A reportagem revela os números dessa disputa, que podem ser analisadas de acordo com as preferências, mas que coloca a festa paraibana realmente em primeiro plano.

Enquanto Caruaru reúne 200 atrações em 26 dias de festa, em Campina Grande serão 400, o dobro e em menos dias de programação, 31 dias..

Em outro quesito Campina Grande volta a se destacar. Enquanto Caruaru levou 750 pares de quadrilheiros no ano passado, na cidade paraibana aconteceram festivais que reuniram 27 grupos de quadrilhas juninas, o que pode representar mais de 3 mil quadrilheiros que desfilaram pela cidade nos dias de festa.

No quesito tradição de promover os festejos Campina Grande também tem destaque, pois começou essa indústria de entretenimento 11 anos mais cedo do que Caruaru. Há 33 anos os forrozeiros ganharam notoriedade na cidade paraibana e, há 22 anos, segundo a reportagem, é que Caruaru começou a disputa que registre a cada ano com mais força e encantamento.

A revista Azul Magazine é distribuída de graça aos passageiros em todos os voos operados pela Azul no Brasil. Cada edição tem mais de 2 milhões de exemplares.

(*) No quadro comparativo, há dois erros fundamentais para entendimento dos leitores. Nos itens de dias de festas e as datas de início delas houve uma inversão. Campina Grande, como dito acima, começou primeiro a promover os festejos juninos populares, e em mais dias, durante todo o mês de junho, este ano, de 3 de junho a 3 de julho.

Fábio Cardoso

 

 

Comentários desativados em Ricardo inspeciona obras do Viaduto do Geisel, inaugura ruas em Sobrado e UPS em Santa Rita

O governador Ricardo Coutinho inspecionou, neste sábado (28), as obras do Viaduto do Geisel, em João Pessoa, que está com cerca de 60% da obra concluída. Também inaugurou a pavimentação de cinco ruas na cidade de Sobrado e, em seguida, foi para Santa Rita entregar a Unidade de Polícia Solidária (UPS) de Tibiri II.

Ao fazer a vistoria na obra do Viaduto do Geisel, o governador destacou que este equipamento representa um investimento de mais de R$ 38 milhões, tendo uma extensão de 6,00 km com quatro alças. “Esta obra é grandiosa e complexa, que é essencial para o povo de João Pessoa e das cidades vizinhas. Já temos mais da metade do viaduto pronto, e queremos liberar parte da obra entre junho e julho. É uma obra que está sendo feita com qualidade para que sirva por muitos anos a população. O viaduto vai melhorar o cotidiano do povo e solucionar os congestionamentos nessa área”, enfatizou Ricardo.

“A obra conta com cerca de 90 operários trabalhando diariamente e está prevista para ser concluída no mês de agosto deste ano. Houve um pequeno atraso no andamento das obras devido às chuvas. Os recursos são estaduais e federais, porém ainda estamos aguardando o repasse da verba federal”, disse a diretora-superintendente da Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado (Suplan), Simone Guimarães.

Sobrado – Após inspecionar a construção do viaduto do Geisel, Ricardo foi até a cidade de Sobrado para inaugurar a pavimentação em paralelepípedos de cinco ruas no conjunto João de Sousa. A obra recebeu um investimento de cerca de R$ 240 mil.

“Esta cidade está avançando em mãos competentes e o trabalho conjunto da prefeitura com o Governo vem trazendo muitos benefícios para Sobrado. Hoje entrego a pavimentação de ruas que acabam com o problema da falta de infraestrutura nessa localidade. Fico feliz em voltar a Sobrado para inaugurar esta obra. Já tivemos parceria com o município também na área da saúde, com a entrega de uma ambulância, também na educação, com reforma de escola, no Empreender e outras ações que trazem crescimento para a cidade”, lembrou o governador, durante a solenidade.

O prefeito de Sobrado, George Coelho, agradeceu a parceria com o Governo do Estado e frisou que a população é a maior beneficiada com as obras. “Esse calçamento foi um pedido do povo que levei ao governador e ele prontamente atendeu nossa demanda. A parceria entre prefeitura e Governo só traz coisas boas para a sociedade. Temos muitos projetos e com a ajuda do governador Ricardo poderemos trabalhar ainda mais pela cidade”, concluiu.

“Moro aqui nesse conjunto há bastante tempo e sei o quanto era ruim para andar por aqui, principalmente quando chovia. O calçamento acabou com os buracos que existiam e melhorou demais nossa vida”, falou a dona de casa Maria das Dores.

UPS de Santa Rita – O governador também cumpriu, a agenda na cidade de Santa Rita, onde inaugurou a Unidade de Polícia Solidária (UPS) de Tibiri II, com investimento de R$ 287 mil. Na ocasião, ele entregou duas viaturas, três motos e uma unidade de Polícia Solidária Móvel para intensificar o policiamento na região. Os investimentos somam cerca de R$ 700 mil.

Durante a solenidade, Ricardo entregou medalhas e láureas para policiais que se destacaram no exercício de suas funções e falou sobre a redução da violência no Estado. “O aumento da criminalidade acontece em quase todos os Estados, mas a Paraíba está conseguindo reduzir os índices, como o número de homicídios. Isso é fruto do trabalho das nossas polícias, as quais agradeço o esforço e peço ainda mais empenho no combate à violência. Temos uma política pública de segurança que vem fazendo a diferença. Espero que a população confie na polícia e colabore com o trabalho destes policiais, porque a UPS deve fazer um policiamento integrado com a sociedade”, ressaltou o governador.

A UPS possui sala de recepção/espera, sala de expediente, sala de gabinete, sala de reunião, copa, bateria de banheiros masculino e feminino e para portadores de necessidades especiais, hall, rampa de acessibilidade e estacionamento. “Esse é mais um momento que marca a história da Polícia Militar da Paraíba. Isso representa o investimento na melhoria das condições de trabalho do nosso efetivo policial. É a 22ª UPS que entregamos nesta construção de uma nova polícia, com mais êxito, e buscando sempre levar mais segurança para a população”, enfatizou o comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves.

“Agradeço ao governador por olhar pela cidade de Santa Rita. Esta obra que hoje é entregue aos moradores de Tibiri II era uma necessidade desta área. O povo estava precisando dessa UPS que traz mais proteção para todos os cidadãos de bem”, falou o deputado estadual Zé Paulo.

 

 

Por: Diário SP Online 
Surfista causou polêmica ao publicar foto da atriz sem roupa dentro de uma banheira. Confira!

Pedro Scooby mostrou que não tem vergonha da mulher, pelo contrário, tem orgulho do que tem em casa. O surfista postou uma foto da esposa, Luana Piovani, nua e a elogiou.

"Que dia! Que bumbum", escreveu na legenda de uma foto em que ela aparece de costas, se refrescando.

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) entrega, nesta sexta-feira (26), os novos equipamentos que vão intensificar a limpeza urbana em João Pessoa. A solenidade acontece a partir das 7h, no Ponto de Cem Réis, onde, na ocasião, agentes de limpeza farão a demonstração dos cinco equipamentos modernos.
 
O maquinário é composto por um caminhão de varrição mecanizada, que possui uma vassoura central e duas vassouras laterais, que trabalham no sistema a vácuo removendo água das poças, limpando até partículas de pó e ferro. Há ainda duas máquinas compactas de praia, que realizam com mais agilidade a limpeza da areia das praias, peneirando e removendo o lixo.
 
O serviço vai contar também com duas varredeiras de aspiração, que permitem a limpeza em espaços públicos e demais locais, varrendo calçadas sem interferir no fluxo normal de pessoas, executando a limpeza em áreas de difícil alcance.
 
De acordo com o superintendente da Emlur, Anselmo Castilho, os investimentos são de extrema importância para manutenção da limpeza urbana na cidade, pois além de proporcionar ao cidadão maior conforto durante o tráfego nas áreas que irão receber o auxílio dos novos equipamentos, age de forma rápida e eficaz.
 
"Estamos buscando constantemente a melhoria da qualidade dos serviços que a Emlur presta a sociedade. Por meio destes equipamentos, reduziremos o tempo de realização dos serviços e, ainda, os realizaremos sem transtornos a população", disse Anselmo Castilho.

Secom-JP

 

A Paraíba recebeu em março um total de 125.468 visitantes, 8,22% a mais do que o mesmo período de 2012. A informação é do Setor de Estatísticas da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), que mensalmente realiza uma pesquisa comparativa sobre a ocupação dos meios de hospedagem instalados no Estado. A pesquisa da PBTur revela que a procura pelo ‘Destino Paraíba’ manteve uma linha ascendente no primeiro trimestre de 2013.

Em janeiro e fevereiro deste ano, os hotéis, pousadas e albergues de todo o Estado registraram um total de 304.496 visitantes/turistas contra 287.041 do ano anterior. Ou seja, um índice 6,07% maior que no ano passado. No trimestre foram 429.964 visitantes, o que representou um índice de 6,70% acima do que o registrado no mesmo trimestre de 2012.

Na avaliação da presidente da PBTur, Ruth Avelino, os números apresentados pelo Setor de Estatísticas revelam o resultado de um trabalho à várias mãos. “Nos últimos dois anos, intensificamos a divulgação do ‘Destino Paraíba’ nos principais centros emissores de turistas para o Estado. Estamos trabalhando com os setores do trade e com prefeituras municipais. Os resultados apareceram e estão se mantendo”, explicou.

Hotelaria/João Pessoa – A pesquisa divulgada nesta terça-feira (16) aponta que a taxa de ocupação por apartamentos foi de 70,47% em março, resultado 6% superior ao mesmo mês de 2012. Para o trimestre a ocupação foi de 75,89%, o que representa um aumento de 3,42% sobre o mesmo trimestre do ano anterior.

Os principais estados emissores de turistas para a Paraíba foram São Paulo (21,20%); Pernambuco (17,09%); Distrito Federal (9,87%); e Rio Grande do Norte (9,51%). Por regiões, a principal emissora continua sendo o Nordeste com 40,17%, seguida de Sudeste, com 36,53%. Comparando o resultado dessas regiões no trimestre deste ano sobre o mesmo de 2012, temos que, enquanto o Nordeste decresceu 2,43%, o Sudeste aumentou 0,38%.

“Desde segunda-feira estamos realizando capacitações de agentes de viagens de Brasília e Goiânia. Não é por coincidência que a região é a terceira maior emissora de turistas para o ‘Destino Paraíba”, falou Ruth Avelino.

 

O presidente da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan), Murilo Paraíso, afirmou que as perdas na produção de cana-de-açúcar referente à safra 2013/2014 na Paraíba deve chegar a 30%. O prejuízo é maior do que a estimativa do 4º levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que prevê queda de 20% na produção.

“Das cerca de 6 milhões de toneladas previstas na safra, as perdas chegam a cerca de 30%. Se a seca continuar, a situação só tende a piorar. A estiagem atingiu até o litoral", afirmou Murilo Paraíso.
O levantamento da Conab mostrou que de março para abril, a produção de cana-de-açúcar caiu de 5,956 milhões para 5,354 milhões de toneladas este ano. A previsão de queda que era de 11,4% no mês passado mas subiu para 20,4% em abril. Do total, a produção destinada ao etanol será de 3,772 milhões de toneladas (302 milhões de etanol hidratado e 152 milhões de anidro), enquanto para a produção do açúcar será de 1,582 milhão de toneladas.
O presidente da Asplan lembrou que o pagamento da subvenção aos produtores de cana-de-açúcar do Nordeste, no valor de R$ 10,00 por tonelada, é apenas um paliativo para os produtores.
“Todo mundo está preocupado com esta situação e esses R$ 10,00 é apenas um paliativo. Precisamos é de água. Não só a Paraíba mas estados como o Rio Grande do Norte estão sofrendo com a estiagem. Os produtores do Rio Grande do Norte farão amanhã (hoje) uma mobilização por causa da situação crítica. Estamos tentando organizar um grupo para ir para lá”, disse.
No estudo da Conab, a produção da região Nordeste apresentou queda de 16,60% em comparação com a produção anterior. A safra de 2011/2012 foi de 63.487,8 (em mil toneladas) e a de 2012/2013 foi de 52.972,300.
Em relação aos estados da região, a Paraíba está em terceiro lugar em quantidade produzida, 5.354,900 (em mil toneladas). O Estado perde para Alagoas (23.533,500/em mil toneladas) e Pernambuco (13,575,900/em mil toneladas).
Pagina 7 de 7
JR Esquadrias